terça-feira, 2 de outubro de 2012

Regresso

Estive ausente um ano e meio e quis regressar a Bragança. Bragança é a melhor cidade do país para viver, dizem vários estudos e eu confirmo.


Dentro de mim guardo a mágoa desta ausência bacoca, uma ausência justificada pela necessidade de sair e ver mundo para descobrir que é aqui a minha casa. Olho em volta os montes soberbos, esmagadores, por vezes opressivos, sim, a lembrar-nos que a natureza é a mãe de todas as coisas. Este equilibrio perfeito será, quiçá?, o chamado desenvolvimento sustentável porque aqui vive-se bem, embora atrás dos montes. Não temos os mesmos acessos da grande capital, falta indústria, emprego...falta. Mas não desvalorizemos tudo aquilo que temos e que é tanto - este património natural e o património histórico edificado. Lá fora não é melhor, antes pelo contrário.


 


Temos gente de valor, fazemos coisas de valor.


 


Neste regresso, não poderia deixar de reativar esta plataforma online e assim dar o meu contributo para uma melhor divulgação de Bragança e de toda a região transmontana.


 


Espero que gostem!


 

2 comentários: